sábado, 21 de fevereiro de 2009

Lisboa

“Lisboa, Velha Cidade. Cheia de Encantos e Beleza…”, os bairros históricos, na sua maior parte situados no centro de Lisboa, são visita obrigatória para quem se desloque a esta cidade. São o ponto de encontro com a cultura, a história, a arte e arquitectura, as pessoas e as tradições. Como todas as grandes cidades, Lisboa divide-se em duas partes: a velha e a nova. Após o terramoto de 1755, a Baixa, onde outrora os habitantes se concentravam, tem um estilo bem definido que ficou sendo conhecido por pombalino, em referência ao mentor da reconstrução da cidade, o Marques de Pombal. Trata-se da zona comercial e socialmente mais movimentada da Lisboa dos nossos dias. Uma autêntica “city”, apinhada de repartições e ministérios do Estado, de bancos, ourivesarias, cafés, boutiques, esplanadas e livrarias. O Teatro Nacional de D. Maria II, o Palácio dos Condes de Almada e os edifícios da Praça do Comércio. Com três séculos de história, repousam outros interessantes monumentos: a Sé de Lisboa, o Castelo de S. Jorge, o Teatro de S. Carlos, o mercado da Ribeira e a quinhentista Casa dos Bicos. A Lisboa antiga: Bairro Alto, Alfama, Mouraria, são locais de visita obrigatória, assim como as formas arquitectónicas da Igreja e Mosteiro de S. Vicente de Fora, a Ermida do Espírito Santo, a secular Igreja de Santa Maria Maior, o metálico elevador de Santa Justa, a Praça do Rossio, o Teatro de S. Carlos o Palácio do Lavradio - em Santa Clara, o Convento da Madre de Deus, a Basílica do Coração de Jesus - na Estrela, o Palácio Farrobo - nas Laranjeiras, a Igreja de S. Paulo da Serra de Ossa - no Bairro Alto , o Palácio do Lumiar, as Praças da Figueira e dos Restauradores.
Para saber mais
http://www.destinoportugal.pt-tur.com/

1 comentário:

luis antunes disse...

Entrei e gostei
por isso este blog faz já parte dos meus blogs amigos figurando na primeira pagina do meu Blog ECOS de PORTUGAL com as suas postagens recentes
continuemos a aplaudir o nosso belo País